Rua dos Expedicionários, 467 - Centro - Artur Nogueira/SP
CEP: 13.160-000 | CNPJ: 67.162.628/0001-64
Horário de Atendimento: Segunda a Sexta-Feira, das 08h30 às 17h00
Fone PABX/FAX: (19) 3877-1097 / E-Mail: secretaria@camaraarturnogueira.sp.gov.br

Conseg-Artur-1490363375A Polícia Militar (PM) promoveu na quinta-feira (23) uma audiência pública sobre segurança em Artur Nogueira. Durante o evento foram reveladas estatísticas de criminalidade na cidade e a maneira como as forças de segurança têm atuado.

O índice de roubos em Artur Nogueira caiu 60% no primeiro trimestre de 2017 quando comparado com o mesmo período do ano passado. O número, no entanto, não contabiliza os roubos de veículos. A informação foi apresentada pelo comandante da 3ª Companhia da Polícia Militar (PM), capitão Alexandre Hoio. O encontro contou ainda com a presença de vereadores, representantes da PM e da Guarda Civil Municipal (GCM), ex-membros do Conselho de Segurança (Conseg) e moradores de diferentes bairros da cidade.

Durante a audiência, Hoio apresentou diversas estatísticas da segurança pública de Artur Nogueira e do trabalho desempenhados pela Polícia Militar no município, roubo outros, prisões em flagrante, prisões de condenado capturado e planos de ações desenvolvidos no município. Segundo o capitão, comparando o primeiro trimestre de 2016 com o primeiro trimestre de 2017, o índice de roubos outros – aquele que desconsidera os roubos de veículos – diminuiu de 38 para 15. “Analisando por períodos, temos uma posição positiva para Artur Nogueira. Houve uma queda no índice criminal”, explica. Ele acrescenta que os números atuais, embora baixos, não devem ser desconsiderados, pois já sinalizam uma situação favorável para o município.

Em 2016, Artur Nogueira registrou também queda de 11% no número de prisões em flagrantes se comparado a 2015. De acordo com Hoio, este dado não representa um desempenho menor da PM, e justifica. “Aumentou a prisão em flagrante. Então a polícia está trabalhando mais? Não necessariamente. Quando a gente estuda Segurança Pública, é necessária uma análise um pouco mais complexa”, pontuou. Fatores externos como o Judiciário devem ser levados em consideração, de acordo com o capitão. “Se muda o juiz ou delegado da minha cidade, a polícia até continua levando o mesmo número de flagrantes, mas um pode entender que determinado caso é dado de flagrante e o outro não”, argumenta o PM.

Hoio acrescenta que o único dado sem interferências do delegado, por exemplo, são os de foragidos capturados, que, no mesmo período, cresceu 24%. “Ou a Polícia trabalhou mais ou nós trabalhamos da mesma forma, mas onde a polícia capturava um agora captura dois”, disse. Durante a reunião, ações implementadas pelos agentes de segurança do município foram elencados. Dentre estas ações, Hoio frisou a mudança da 19° Companhia de Americana (SP) para Cosmópolis, que, segundo ele, causou um impacto direto na segurança local. O aumento preventivo e especializado nos bairros de maior incidência, manutenção da ação do policiamento e estabelecimento de um Plano de Impacto foram algumas medidas adotadas pelos agentes.

Conseg

Ao final da audiência, os participantes também fizeram um apelo à população para que se envolva com o Conseg. Fichas de inscrição para quem desejar participar da diretoria do Conselho serão deixadas na base da GCM, na Câmara Municipal e na Associação Comercial (Acean). Quem desejar, poderá retirar as fichas, preencher os dados solicitados e devolver os papéis, que serão analisados pelas polícias antes de serem aprovados.

Conseg-Artur-1490363375

Sexta 15 Dezembro 2017